quinta-feira, 12 de abril de 2012

Assinado contrato para construção de terminal de açúcar em Suape


Assinado contrato para construção de terminal de açúcar em Suape



Foto: Divulgação
O Complexo Industrial Portuário de Suape assinou, nesta quarta-feira (11), o contrato para a construção do novo terminal de açúcar. A formalização aconteceu durante a 18° Intermodal South America – Feira Internacional de Logística, Transporte de Cargas e Comércio Exterior, em São Paulo.
O Terminal será executado pela Agrovia, que tem como sócia a trading inglesa ED&F MAN, uma das maiores exportadoras de açúcar do mundo. A solenidade contou com a presença do secretário de desenvolvimento econômico e presidente de Suape, Geraldo Julio, do vice presidente de Suape, Frederico Amancio, do diretor geral da ANTAQ, Tiago Pereira Lima e do presidente da Agrovia, Guilherme Raposo.
A Agrovia deverá investir R$ 104.780.400,00 na implantação, sendo R$ 41.881.400,00 em obras e R$ 62.899.000,00 em equipamentos. O terminal ocupará a retroárea do cais 5, localizada no Porto Interno de Suape, em uma área com 72.542m² e 324,08m de cais de atracação. A capacidade do terminal será de 160.000 toneladas
A expectativa é que a demanda para o terminal de açúcar em 2015 seja de 540 mil toneladas/ano, tendo o seu crescimento estimado em um milhão de toneladas/ano a ser atingido em 2030. O prazo de implantação é de 24 meses. Durante a construção, devem ser gerados 450 empregos e, para a operação, a estimativa da trading é contratar 75 funcionários.
fonte:  PEINVESTIMENTO

terça-feira, 3 de abril de 2012

Montadora de caminhões chinesa desembarca 99 veículos no Recife

Montadora de caminhões chinesa desembarca 99 veículos no Recife



Foto: Assessoria do Porto do Recife
O Porto do Recife foi escolhido para receber, nesta segunda-feira (02), o primeiro desembarque de 99 caminhões da montadora chinesa Shacman. A empresa tem capacidade de montar mais de 70 mil unidades por ano e exporta para 50 países de diferentes continentes.
De acordo com a fabricante chinesa, os caminhões da linha pesada foram desenhados para atender as necessidades do segmento no país. "Trata-se de um caminhão brasileiro montado na China, e que atenderá plenamente as expectativas e necessidades dos transportadores brasileiros", conta o diretor executivo da empresa, Rodrigo Teixeira.

Foto: Imagem da internet
Os veículos pesados ficarão armazenados no pátio de número 06, uma área de 3,5 mil m² destinada pelo Porto do Recife. "O espaço tem a capacidade de armazenar até 200 caminhões ao mesmo tempo", conta o diretor de Operações e Comercial do Porto do Recife, Sidnei Aires. A expectativa é que o desembarque e armazenagem dos importados traga um incremento de R$ 500 mil na receita do porto, somente nesta primeira operação.
Representantes da Metro Shacman, companhia de capital nacional que retém exclusividade na importação da marca, assinaram um Protocolo de Intenção com o porto recifense para montar um Centro de Distribuição dentro da área portuária. A meta da empresa é importar 500 caminhões em 2012, cerca de 100 unidades a cada dois meses.
A escolha do Porto do Recife pela Metro Shacman levou em consideração alguns fatores determinantes para a empresa. "Primeiro de tudo trata-se de um porto público com uma estrutura adequada para o negócio. A localização também foi um ponto relevante, além dos incentivos oferecidos pelo Estado", afirmou o diretor executivo da empresa, Rodrigo Teixeira.

VEÍCULOS – 
Inicialmente, os modelos importados trazem especificações que buscam atender as demandas do segmento dos pesados,com configurações 4×2 e 6×4. Os veículos foram trazidos pelo navio Asian Chorus, que também trouxe 87 máquinas da linha amarela da marca chinesa XCMG, que já opera no porto há anos
.
Fonte: PE Investimento

Follow by Email