quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Fiat está de olho na capacitação

A Fiat iniciou ontem as tratativas para obter apoio à implantação de sua nova fábrica no Complexo Industrial Portuário de Suape. O diretor de Relações Industriais para a América Latina da empresa, Adauto Duarte, esteve no Recife para conhecer a disponibilidade, a capacidade técnica e a infraestrutura do Sistema Indústria. Na agenda, assuntos como capacitação de mão de obra, serviços de saúde, educação e lazer, inovação tecnológica e cadeia de fornecedores.

´Essa foi uma primeira reunião e serviu para identificar como o sistema está preparado para receber a Fiat. Encontramos uma estrutura bem organizada e muito profissional, com instalações físicas adequadas, corpo docente e programas de qualificação e aperfeiçoamento`, comentou Adauto Duarte. Segundo ele, a próxima etapa ocorre no dia 25, com a presença do diretor de Recursos Humanos, Vilmar Fistarol. ´Será quando as nossas necessidades começarão a ser detalhadas`, disse.

A reunião de ontem contou com a presença do presidente da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe), Jorge Côrte Real, do coordenador de Desenvolvimento Industrial da casa, Antônio Sotero, e de representantes do Senai, Sesi e IEL. Sotero afirmou que a implantação da Fiat será ´um grande desafio`, mas garantiu que o sistema está preparado para atendê-la.

´Um dos desafios será adequar os cursos do Senai para uma situação de operação, porque hoje nossa expertise é apenas no pós-venda`, disse Sotero, referindo-se aos cursos de eletromecânica voltados para o atendimento das concessionárias. Uma possibilidade é utilizar o modelo do programa Jovem Aprendiz, do governo federal, com quase 1.200 horas-aula e estágio garantido.

A pedra fundamental da fábrica foi lançada em 28 de dezembro, com a presença do ex-presidente Lula. A unidade terá um investimento de R$ 3 bilhões e deve gerar cerca de 3,5 mil empregos diretos, com capacidade para produzir 200 mil veículos/ano. A entrada em operação está prevista para 2014. Segundo o governo do estado, pelo menos 50 empresas (as sistemistas) deverão se instalar ao redor da montadora e o objetivo do Sistema Indústria é maximizar o conteúdo local.

Um comentário:

  1. ola! para si capacitar a nova montadora fiat, havera uma instituiçao para fornecer o aprendizado com encaminhamento direto para montadora? e quando sera o inicio?
    abraços!
    si possivel resposta por e-mail...

    ResponderExcluir

Follow by Email