sábado, 11 de setembro de 2010

Obras em Suape/PE perto de começar

Trecho da Transnordestina que passará pelo Porto deve ser iniciado em outubro


Os impasses sobre o traçado da ferrovia Transnordestina que passará pelo Complexo Industrial Portuário de Suape estão perto de um fim. Representantes da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) vão se reunir com a diretoria do terminal marítimo na semana que vem para apresentar os detalhes do novo projeto, que já foi exposto à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). A chegada ao Porto precisou ser alterada por conta das expansões dos municípios circunvizinhos. Fontes revelaram à Folha de Pernambuco que as obras podem iniciar no próximo mês e que o contrato com a empresa responsável estaria praticamente assinado. A intenção é aproveitar o traçado que conectava Suape a Porto Real do Colégio, em Alagoas. Para isso, será necessária a desapropriação de 16 quilômetros. Além disso, outros 120 quilômetros também terão que passar por intervenções. No projeto anterior, a ferrovia passava próxima à área urbana de Ipojuca e dentro de uma barragem chamada de Engenho Maranhão, que atende à oferta de água de Suape esclareceu o presidente do Complexo Industrial e secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Fernando Bezerra Coelho. Um dos pontos que estiveram em discussão foi a existência de um ramal ferroviário que passa por dentro de Suape. A Transnordestina Logística, que responde pelas obras, queria utilizá-lo, mas o terminal marítimo quer que ele sirva para atender os passageiros dos futuros Veículos Leves sobre Trilhos (VLTs). Ela (a Transnordestina) vai ter que fazer um segundo ramal e não poderá usar o nosso traçado interno. É uma decisão que já foi tomada.Vai passar do lado do ramal que existe, o que representa um custo barateado, porque a infraestrutura está pronta adiantou o diretor de Engenharia e Meio Ambiente do Porto, Ricardo Padilha.Os grandes trechos da Transnordestina foram divididos em lotes menores para dar celeridade às obras e aos repasses financeiros, que agora dependem da contrapartida de 10% da conclusão dos serviços.Dessa forma, os lotes que chegam a Suape ficaram separados em Belém de Maria/Escada e Escada/Porto de Suape, ambos com 55 quilômetros de extensão.Por e-mail, a CSN informou que não iria comentar as informações levantadas pela reportagem.Um técnico ligado às obras da ferrovia disse à Folha que um novo prazo para a entrega da malha seria divulgado até o fim do ano.A notícia de que a Transnordestina ficará pronta apenas em 2013 estaria sendo segurada em função do período eleitoral.De acordo com o diretor de Contrato da Odebrecht, Pedro Leão, apesar de não ter data e mês definidos a entrega em 2012 está garantida.Terminaremos a terraplanagem em abril de 2012, ano em que a ferrovia será concluída.Em Pernambuco, a obra está absolutamente dentro do cronograma e com o canteiro industrial produzindo de maneira efetiva afirmou.


Fonte: Folha PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow by Email