quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Hospitais atraem fábrica para Suape

Os novos hospitais construídos pelo Governo do Estado já começam a atrair fábricas para Pernambuco. A paulista Adhetech, que produz químicos de limpeza, iniciará obras para se instalar no Porto de Suape no início de 2010. O mais interessante é que o grupo pretende transformar a unidade de Sumaré, em São Paulo, em um Centro de Distribuição. Assim, a empresa pode, no futuro, ter operação exclusivamente pernambucana. Ao menos a certeza é de que em cinco anos a planta se tornará a principal. A motivação está na facilidade para a concessão de benefícios fiscais.
O governador Eduardo Campos entregou o Hospital Miguel Arraes, em Paulista, ontem, e deve fornecer outros dois em 2010. "Queremos aproveitar essa oportunidade. Além disso, o Estado oferece uma série de condições", disse o presidente da Adhetech, Eduardo Scavariello.
Cerca de 30% do que é produzido pela empresa tem como foco o setor hospitalar. A fábrica pernambucana terá capacidade de fabricar mil toneladas por mês, número que pode ser duplicado, de forma a atingir o mesmo potencial da unidade paulista. O investimento total é de US$ 6 milhões, sendo US$ 2 milhões de recursos próprios e US$ 4 milhões financiados pelo Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
Segundo Scavariello, o recurso próprio é suficiente para a instalação. A verba do BNDES será liberada aos poucos e servirá para projeto de expansão. A unidade vai gerar até 100 empregos diretos e 20 indiretos no Estado.
A Adhetech iniciou as atividades em 1985 e hoje tem faturamento anual de R$ 25 milhões. No primeiro ano de operação no Estado, a expectativa é de que outros R$ 10 milhões sejam acrescidos. De acordo com o grupo, o início da produção pode acontecer em 2010, apesar da alienação do terreno ter abertura de licitação em 14 de janeiro.
 
Fonte: Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow by Email